Kampai, no Itaim Bibi

Um dos bairros com o maior número de restaurantes na cidade, o Itaim Bibi acaba te oferecendo todo tipo de comida, seja lá o que estiver procurando. E como opção não é um problema no bairro, sempre gostamos de passear por lá, e encontrar lugares diferentes pra comer. Foi assim que acabamos encontrando o Kampai, restaurante japonês, que pensávamos ser uma alternativa válida de conhecer em relação às casas mais famosas instaladas no local. Se você, assim como a gente, não consegue viver sem uma porção de guioza, ou um combinado cheio de sashimi, perder as próximas linhas não é uma opção!

chapeu-galeria

O Kampai foi mais um achado do Grubster, meio de ultima hora vimos procuramos algo pelo Itaim e é quase impossível não achar nada nesse bairro. O restaurante não chama muita atenção do lado de fora, porém ele é grande e bem mesas espaçosas em um ambiente amplo.

Assim que sentamos já informamos o garçom que íamos querer o rodízio, o preço é um pouco alto porém esperei chegar o pratos para julgar se o valor era justo ou não. Acredito que eles joguem o preço alto exatamente pelo desconto do grubster, que com o desconto de 30% acaba sendo um valor mais justo para o que a casa oferece.

Comecei o rodízio pelo ceviche e por dois temakis que escolhi que foram o de salmão grelhado e o de camarão empanado. Ambos eram em um tamanho legal, saborosos e eram bastante recheados. O ceviche era gostoso e tinha uma leve pimenta, junto com o peixe branco e salmão.

O cardápio é comum e tem exatamente as mesas coisas que tem em qualquer rodízio, as entradas vieram todas juntas em um prato e isso é legal pois assim pode decidir depois o que quer repetir. Guioza frita e no vapor, rolinho primavera de queijo e legumes, Lula empanada, Tempura e Camarão empanado eram as opções, todas bem feitas e gostosinhas. Nada muito diferente do normal.

A ultima coisa que veio quase como uma tradição foi o combinado, pedimos de peixe variado e talvez seja o ponto que menos gostei no restaurante. Ele veio como manda o padrão, mas ele simplesmente não tinha nada de diferente de qualquer outro lugar. Não que ele seja ruim, não é, mas é muito comum e isso acaba nos incomodando principalmente pelo valor. O atendimento em geral é bom e os garçons são rápidos e gentils.

O ato de conhecer novos lugares te abre caminho para as experiências boas, positivas, que te fazem querer voltar o quanto antes. Por outro lado, abrir mão do seguro, do conhecido, pode te oferecer algo que você não estava esperando, e colocar em cheque aquela escolha em particular.

Não conhecíamos o Kampai até 15 minutos antes de chegar no restaurante. A única informação sabida era que se tratava de um restaurante japonês com serviço de rodízio. Nem o valor a gente sabia no momento, e ficou um pouco surpreso quando fez a descoberta: R$ 84,90 por pessoa.

Um preço salgado, sem dúvida. Mas se nunca fossemos experimentar o local, nunca poderíamos falar sobre ele, nem apresentar pra você agora. E já falei muito, menos aquela dúvida que está na cabeça: vale a pena?

Em partes. O cardápio não é muito diferente do que estamos acostumados em outros rodízios japoneses. E isso não é necessariamente um problema. A parte salgada dos pratos é gostosa. O harumaki de queijo, por exemplo, é daqueles que você poderia passar uma tarde comendo.

Mesma coisa para a guioza, a lula empanada ou o hot roll. Todas boas opções pra quem está familiarizado com esse tipo de comida. Um ponto interessante do restaurante é servir todos os pratos quentes em um mesmo recipiente. Facilita na hora de comer. Por outro lado, eles poderiam ser um pouco mais generosos. Literalmente dois de cada não é bem o que procuramos em um rodízio japonês.

E o que mais procuramos? Claro, os pratos frios. Peixes, das mais variadas formas, tamanhos, cortes e sabores. Mas nesse quesito, o Kampai deixa um pouco a desejar. Nada extremamente negativo pra compartilhar. Só o fato dessa segunda parte ser bastante insossa, sejam nos temakis, sashimis ou diferentes sushis. Você coloca na boca, mastiga, mas não sente muito gosto de nada.

Com isso tudo, vale analisar antes de tomar uma decisão. Se você é daquelas pessoas que prefere os pratos quentes, a escolha é boa. Pelo outro lado, talvez seja o caso de escolher outro restaurante. Até porque o preço não ajuda muito.


Kampai – Rua Pedroso Alvarenga, 1085 – Itaim Bibi; Abre: segunda a sábado; Contato: 3079-0505; Transporte: ônibus, táxi; Pagamento: débito, crédito, vr; Faixa de preços: $$.
Anúncios

Gostou? Deixa aqui sua opinião!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s