Brigadeiro: comer um ou todos?

Primeira coluna sobre doces e, claro, que não poderia fugir do nosso amado, querido, reconhecido e nativo: Brigadeiro! Essa singela bolinha preta de chocolate já é tão famosa que entrou na lista de coisas a experimentar pelos estrangeiros que vêm ao Brasil, juntamente com a feijoada e a caipirinha.

Além de estar fazendo alguns brasileiros ganharem um bom dinheirinho no exterior vendendo algo tão incomum pra eles. Aliás, em alguns países o brigadeiro é conhecido como “trufa brasileira” já que a sua textura macia lembra a das tradicionais trufas francesas. Chique, não?

Mas afinal, quem foi o grande gênio que descobriu que misturar leite condensado, chocolate e manteiga causaria um sabor tão especial e delicioso? Conta a história que lá em 1945 um candidato a presidente chamado Eduardo Gomes era muito querido pela mulherada da época. E qual era a patente militar desse moço?? Brigadeiro! Inclusive, o slogan da sua campanha política era – atenção: “Vote no Brigadeiro que é bonito e solteiro”. A política nos envergonhando desde bem antes do Tiririca, mas enfim…

A mulherada fanática pelo brigadeiro (o candidato, ainda não era o doce), resolveu promover sua campanha organizando festas e vendendo doces para angariar fundos e adoçar o voto dos eleitores.

O problema é que era época pós Segunda Guerra Mundial, então alguns alimentos eram muito difíceis de ser encontrados, como o leite fresco e o açúcar – base para a maior parte dos doces daquele período. Foi, então, que as espertonas correligionárias recorreram aos três ingredientes mais amados atualmente, leite condensado, manteiga e chocolate.

Vendidas como “o Doce do Brigadeiro”, as bolinhas fizeram o maior sucesso e entraram para a história culinária nacional com o nome um pouco mais abreviado. Ah, mas e o brigadeiro candidato? Tem coisas que nem leite condensado salva, meu povo! Ele perdeu as eleições.

Hoje em dia, a gente encontra o tradicional docinho em formas já não tão tradicionais, o famoso Brigadeiro Gourmet. São centenas de sabores diferentes espalhados pelas brigaderias do país e do mundo. Além disso, outra opção à bolinha clássica é o brigadeiro de colher. Esse também é um clássico, mas dos preguiçosos que não querem enrolar o doce, tipo eu. O único defeito dessa maravilha é que cada bolinha de 30 gramas tem, em média, 100 calorias.

Mesmo com maior variedade, o sabor original continua sendo o preferido da maioria das pessoas.

Aliás, vou ser muito generosa com vocês e dividir a minha receita de brigadeiro de micro-ondas que fica igualzinho ao da panela. Fiz muito sucesso na escola vendendo eles no recreio.

Depois de misturar os ingredientes em uma tigela alta, coloque no micro-ondas por 3 minutos na potência alta.

Quando completar, tire e mexa bem, ele vai estar começando a ferver, mas ainda com uma textura líquida. Mas vai dar tudo certo, confia em mim. Coloca por mais 2 minutos lá dentro. Quando tirar ele já vai estar bem fervido, parecendo que estragou todo o ponto.

Você mexe bastante até ele voltar a ficar liso e tcharan! É só deixar esfriar e comer. Se preferir um pouco mais duro, pode ir aquecendo de 30 em 30 segundos até chegar à textura desejada. Ah, e eu só fiz com no máximo 2 latas de leite condensado, não garanto resultados iguais com mais quantidade, viu?! Não sou a Palmirinha, mas esse eu mando bem.

Façam aí e me contem se deu certo. Vocês vão comer tudo de qualquer jeito, afinal a gente não resiste a um brigadeiro. Fiquem doces e até próxima coluna sobre nosso mundo das sobremesas!


Te Quero Doce é a coluna com mais açúcar do blog. Feita com muito carinho por Beatriz Franco, ela vai trazer com um olhar diferente, mais de perto, das principais sobremesas da culinária brasileira e mundial. Depois de provar que comida de praia não é só pastel, chegou a hora de mostrar com quantas colheres de chocolate se faz um bom brigadeiro.

Anúncios

Gostou? Deixa aqui sua opinião!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s