Kebabel, na Consolação

E cá estamos aqui novamente. Dessa vez não é exatamente na Augusta, mas uma das várias travessas dela. A história do blog é bem alinhada com a badalada rua de São Paulo, já que nosso primeiro post foi exatamente um lugar dela. Então de tempos em tempos vamos dar uma volta e encontrar sempre alguma boa opção pra comer, e foi exatamente isso que estamos fazendo hoje!

Estávamos meio sem rumo, e acabamos esbarrando no Kebabel, um restaurante árabe pequeno, escondido entre tantos bares e pessoas. Especializado, como pode se imaginar, no kebab, o lugar guarda bons sabores, que você pode conhecer a partir de agora.

chapeu-galeria

Sabe aquela noite quando você não tem exatamente um lugar pra ir, mas está passeando pela rua e acaba se deparando, meio que na surpresa, com um restaurante todo estilosinho? Foi exatamente isso que aconteceu com a gente. Era um dia de semana quando encontramos o Kebabel, sem plano algum. Nosso único objetivo era comer alguma coisa, afinal, a fome sempre ronca no estomago.

Vale lembrar que o restaurante não fica exatamente na Augusta. Ele está na Fernando de Albuquerque, uma das travessas em direção ao Centro. Mas por ser tão perto da esquina, é quase como se fosse na própria Augusta. E cuidado pra não passar direto, ele é bem pequeno, com meia duzia de mesas dentro do salão, além de poucas outras do lado de fora.

Como dá pra imaginar, o cardápio do restaurante, embora seja árabe, se especializa no kebab, aquele sanduíche de pão sírio com vegetais e – normalmente – falafel. A diferença é que por aqui você consegue escolher outras carnes, além do próprio falafel (que, por sua vez, não é de carne). O valor é talvez o ponto mais alto, literalmente. Entre R$ 23 e R$ 30, dependendo da sua fome pode não ser a melhor das ideias.

Uma alternativa pode ser pedir uma entrada. Fizemos isso, com a Batata rústica (R$ 18), bastante quente e salgada quando chegou até a nossa mesa. Preparada com sal grosso e alecrim, tem um sabor mais forte que uma batata comum, além de seu corte mais grosso. Na dúvida, peça.

Voltando ao prato principal, acabei por escolher o mais caro: kebab de Javali (R$ 30). Recheado com uma linguiça com carne do animal, além de repolho, salada de cebola, salsinha, tomate, hortelã e picles, pode até parecer muita informação para um lanche nem tão grande. Mas não tem problema, vale depois da primeira mordida, com gosto forte por causa da carne de javali. Se você nunca experimentou, espere por uma carne de porco ainda mais forte. Mesmo com o preço mais alto que as outras opções, não fiquei triste com o resultado, e recomendo fortemente não apenas o prato, mas como o restaurante.

Em mais uma das nossas saídas sem rumo, acabamos esbarrando na Kebabel, e no meio da muvuca da Augusta eles quase ficam escondidos. Só chama atenção por um letreiro bem iluminado na porta. A casa é pequena e cabe poucas pessoas, acho que são no máximo 4 mesas e algumas na parte de fora onde tem um toldo e parece bem confortável também. O ambiente mesmo pequeno é super acolhedor, tem uma decoração super interessante e tem um música ambiente bem bacana.

Mesmo em um dia cheio pela Augusta, a casa não estava cheia, sentamos com tranquilidade em uma mesa que ficava perto da porta. As poucas mesas estavam todas ocupadas, mas não tinha espera e nem nada, então não sei como fica aos finais de semanas. Para não correr risco de ficar muito tempo esperando, eu indicaria chegar no restaurante com antecedência assim não tem risco nenhum.

Logo que sentamos a moça que veio nos atender trouxe o cardápio, apesar de não sei a pessoa mais simpática do mundo ela também não era mal educada e o atendimento foi justo e preciso. O cardápio é simples, conta com os famosos kebabs dos mais diferentes recheios, algumas poucas porções e um cardápio diferente de cervejas, talvez seja uma coisa interessante na casa.Quando peguei o cardápio fiquei um pouco assustada com os preços, achei eles bem altos principalmente por serem lanches bem simples, mas não é por isso que eu acho que vão vale a pena conhecer, muito pelo contrário a casa é realmente um lugar bem legal e gostoso.

Para começar, pedimos uma porção de babatas rústicas (R$18), a porção tem um tamanho BEM justo na verdade. A batata tem um corte bem grosso e isso pode ser um ponto negativo muitas vezes, mas nesse caso ela é muito bem feita e tem um tempero bem gostoso de sal grosso e alecrim. O lanche acabei pedindo o falafel, mesmo querendo mudar eu sempre pego as mesmas coisas. O falafel (R$22) tinha como montagem além dos bolinhos, repolho, salada de cebola,salsinha, tomate, hortelã e picles de pepino.

Para falar bem a verdade, só senti o repolho e tomate, mas isso não fez dele nada ruim também, é muito saboroso e recheado, além do pão combinar super bem. O lanche ainda acompanha um molho, que acabei escolhendo o Tarator, um molho feito com tarrine e ele, apesar de um pouco salgado, estava muito bom e combino muito com a minha escolha.


Kebabel – Rua Fernando de Albuquerque, 22 – Consolação; Contato: 3259-1805; Transporte: ônibus, táxi, metrô; Pagamento: débito, crédito; Faixa de preços: $.
Anúncios

Gostou? Deixa aqui sua opinião!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s