Dock Burger, no Tatuapé

São Paulo está ficando saturada de hamburguerias. Essa é uma verdade que precisamos esclarecer. Mas para nossa sorte é que bons sopros aparecem fora do eixo gastronômico da cidade. O número de casas em Pinheiros, ou em Moema é gigantesco. Entretanto, quando um novo lugar abre em pleno Tatuapé com uma pegada tão interessante e moderninha, vale muito a pena conhecer. Encontramos o Dock Burguer na maior coincidência possível. Estávamos de passagem pelo bairro em uma noite durante a semana, e nos deparamos com uma decoração iluminada, que nos fez parar o carro e descobrir nosso jantar.

chapeu-galeria

160314-dockburger-02

Boas ideias pegam. E vender lanches bons por preços justos, algo que vem ganhando força no cenário de São Paulo, é uma ótima ideia. Ou seja, as tais hamburguerias artesanais estão na moda com lanches em preços baixos e convidativos. Essa é a pegada da novinha Dock Burger, aberta na Zona Leste. Quando pensamos em hambúrguer gostoso logo todo mundo acaba lembrando de três ou quatro das mais conhecidas, todas naqueles bairros de sempre. Este tipo de investida é um sopro de juventude para a democratização da comida na cidade. Claro, não é a primeira lanchonete do Tatuapé, nem da Zona Leste. Longe disso, mas escolher um bairro tão menos comum pra empreender merece respeito.

Quando visitamos a casa ela estava em soft opening. Não temos o costume de fazer isso, mas as luzes chamativas da decoração nos fizeram parar. E quando percebemos já estávamos sentados comendo. E por soft opening entenda que alguns ajustes eram necessários, claro, até abrir oficialmente para o público. Durante nossa visita apenas um lanche estava disponível, o Open House Burger (R$ 22), feito com uma boa fatia de carne, cheddar, bacon, cebola caramelizada e tomate. Sim, apenas tomate. Já achei interessante esse detalhe diferencial em abrir mão do alface, tão comum nos lanches alheios.

Antes do lanche acabamos escolhendo uma porção de Batatas Rústicas (R$ 8), acompanhadas por um pouco de maionese da casa. Esta última, sem sombra de dúvida, merece muito respeito. Cremosa e saborosa, dá vontade de mergulhar qualquer sobre de comida no potinho, só pra saborear um pouco mais. As batatas até são boas, mas quem ganha é o acompanhamento, certeza. Outro ponto que ganha muitos pontos é o free refil de Chá Mate (R$ 7), escolha mais que certeira pra quem gosta da bebida. Lembra muito aqueles que você toma na praia, durante o verão. Não sabe qual o gosto? Ainda dá chance de descobrir.

Mas falemos do lanche. Além da boa sacada em tirar o alface da receita, bons pontos merecem destaque. O pão marcado, assinatura da casa, é bem macio e não é massudo. Um acerto que colabora com os outros ingredientes. O bacon também, muito saboroso e até ajuda a considerar pedir um segundo lanche. A cebola e o queijo, ainda que um degrau abaixo, não atrapalham. O único ponto desfavorável vai para a carne, que peca um pouco pelo sabor. Até escolhemos o ponto dela, mas acabou passando um pouco. Ainda assim, o fator soft opening acaba relevando o problema, fazendo com que a casa mereça uma visita de quem mora por perto. E até quem não mora.

Um dia estávamos passamos pelo Tatuapé e passamos na frente do Dock Burger, ele fica em uma rua movimentada no bairro e mesmo assim o pequeno espaço do Dock chama muita atenção. A casa é pequena e por isso tem alguns espaço na rua para ter mais espaço , e o que realmente chamou nossa atenção foi a decoração na rua que eles fizeram, acaba atraindo muito as pessoas. Quando visitamos a casa ele tinham aberto havia 15 dias apenas e isso diz muito sobre o que vamos falar.

Assim que chegamos sentamos em uma das poucas mesas, a casa tem como ideia a joint burguer que está tão na moda, e isso é ótimo afinal quem não gosta de comer bem e gastar pouco? Fomos muito bem atendidos pelos funcionários/donos da hamburgueria, e não teria motivo eles terem outros funcionários afinal, espaço pequeno e pouca variação no cardápio, digo isso porque acredito que eles sempre vão atende todos da mesma forma no nos atenderam naquele dia.

O hambúrguer que estava disponível naquele dia era o Open House Burger (R$ 22), ele era feito de carne, cheddar, bacon, cebola caramelizada, tomate e o pão da casa. A montagem é realmente muito bem pesada, a falta do alface não me deixou nem um pouco triste, até gostei mais dessa opção na verdade. A carne é uma fatia generosa no pão, porém ela é pouco temperada e isso me deixou um pouco triste porque todos os outros ingredientes era muito bem feito, o bacon crocante, o queijo saboroso e a cebola caramelizada que não era muito doce. Outro ponto bem positivo é o pão, que é crocante e muito macio ao mesmo tempo, é realmente muito bom.

Como não podia faltar para acompanhar pedimos uma porção de batata, que pelo preço ela é muito bem servida. A porção é R$ 8 , e as batatas são as tradicionais rústicas, ela são realmente muito bem temperadas e tem um sabor bom, mas o que fica ainda melhor é a combinação perfeita com a maionese da casa que é fora do comum de tão boa. Acredito que os pouco erros da casa são facilmente consertados com o tempo e que eles vão ter um dos melhores hambúrgueres da região facilmente.


Dock Burger – Rua Demetrio Ribeiro, 605 – Tatuapé; Contato: 2737-8006; Transporte: ônibus, táxi; Pagamento: débito, crédito; Faixa de preços: $.
Anúncios

Gostou? Deixa aqui sua opinião!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s