Quando a grama do vizinho é mais verde

coluna-fastfood-2015

Em um cálculo rápido, e totalmente empírico, podemos dizer que existe uma lanchonete de fast-food a cada 2km no Brasil. Em contrapartida, a cada meio quilômetro surge uma opção diferente na terra do tio Sam. Sem brincadeira, já até mencionei a variedade enorme em outra coluna, mas é impressionante como o povo norte-americano está acostumado com esse tipo de comida. E quando existem mais opções, naturalmente uma ou outra consegue se sobressair.

Durante as nossas recentes férias por lá tive a chance de experimentar de tudo um pouco, e muita coisa até fica no chinelo, quando comparamos com a realidade daqui. Entretanto, tem uma ou outra coisinha que faz os olhos brilharem, e perceber o porquê dos Estados Unidos serem os criadores dessa coisa chamada fast-food.

Poderia ficar escrevendo horas e horas a fio, mas três são as marcas que merecem uma coluna de destaque, e, principalmente, precisam chegar o quanto antes em terras brasilis. Fundado na década de 1960 em Ohio, bem no meio do país, o Arby’s talvez seja aquele com maior probabilidade de abarcar por aqui logo mais. Já apareceram algumas declarações na imprensa mencionando seu retorno, mas até agora nada passa de suposição. E o que não passa de suposição é o sabor sensacional de seus lanches.

Tendo como ingrediente-base o rosbife, outras opções de proteína até estão no cardápio, mas quem brilha de verdade é o dito cujo. Com poucos ingredientes, os lanches da casa preferem ressaltar o sabor de cada um deles. Tanto que o mais vendido, e principal de todos, é feito pura e simplesmente por pão e muitas fatias de rosbife. Precisei de algo a mais, então acabei escolhendo o Beef’n Cheddar, trazendo como adicional o queijo quase derretido dentro do pão. Se parece bom apenas de ler, após a primeira mordida dá vontade de chorar, e rezar pra que volte logo.

Outra grande cadeia de fast-food que mereceria uma chance abaixo dos trópicos é o Wendy’s. Sem dúvida uma das mais famosas e presentes por lá, bate de frente com McDonald’s na quantidade de lojas. Em alguns lugares eles até mostram ter mais vantagem, tamanha facilidade em encontrar uma unidade. E por que eles deveriam abrir aqui? Pelo seu sabor. Não vou dizer que é o melhor sanduíche que já comi na vida, nem de longe. Mas é um sabor menos industrializado que seus concorrentes diretos – além da rede do palhaço, os reis do hambúrguer. A carne tem um gostinho melhor de carne, assim como o queijo não tem aquele aspecto de plástico tão comum em outros lugares.

Apesar de dois ótimos exemplos, e duas possibilidades mais claras de abrir no Brasil, é no Chick-fil-A que minhas fichas seriam postas. Bem menos conhecida, estamos falando de uma cadeia com uma quantidade infinitamente menor de unidades. Ainda assim, que sabor, que frango, que delícia. Experimentei o Chicken Deluxe Sandwich e posso dizer, foram poucas vezes que mordi um frango tão suculento e saboroso como o deles. Mesmo vendido como mais uma cadeia de fast-food, aqui os lanches têm um toque mais natural, que fazem a diferença quando você não aguenta mais tanto junk food. E esse detalhe é o que faria dar certo por aqui.

É como dizem, se a grama do vizinho parece mais verde que a sua, alguma coisa de errado tem. Ou não. Talvez seja só a terra dele que é mais propensa a dar uma grama viva e bonita. E isso não quer dizer que a sua não seja boa, apenas menos pomposa. Ou podemos dizer que o mercado de fast-food no Brasil seja ruim? Nem de longe, ele é apenas menos verde que o norte-americano. E a culpa disso não é de ninguém, afinal, eles que criaram esse samba todo.


Fast&Food é escrita por Raphael Diegues, editor do Comida pra Casal, que aborda novidades e dúvidas dos consumidores a respeito das redes de comida rápida espalhadas pela cidade.

Anúncios

Gostou? Deixa aqui sua opinião!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s