Yamamoto, na Liberdade

Principal comunidade fora do próprio país, a Liberdade guarda em suas ruas muito da cultura japonesa. Desde os postes tradicionais, os detalhes nos faróis e a super tradicional feirinha de fim de semana, tudo é característico de lá. Mas nada é mais que os restaurantes. Um a cada esquina quase, especializados e generalistas, disponíveis em diferentes cardápios. Visitamos novamente o bairro pra conhecer o Yamamoto, aberto em 1985 e um dos mais antigos da cidade.

chapeu-galeria

Enquanto tiver um japonês aberto em São Paulo para a gente visitar, não vamos parar Esse é o nosso mantra. Dessa vez fomos até a Liberdade depois de uma manhã cansativa. Logo pensamos em um bom rodízio, e achamos que lá seria o lugar certo. Já tínhamos passado algumas vezes na porta do Yamamoto, e sempre achamos o lugar super interessante.

Não sei exatamente quantos anos o restaurante tem, mas acredito que seja um dos mais tradicionais do bairro. Além de ser antigo, ele tem um ambiente bem rústico, um pouco velho até, dependendo do ponto de vista, mas nada que traga problemas. Assim que entramos demorou um pouco para alguém nos atender, e então veio uma moça não muito simpática, e no final um outro rapaz que ficou no lugar dela e nos tratou super bem.

Pegamos o rodízio, que me decepcionou um pouco, pois eram pouco mais de seis pratos e nada mais. O sabor de tudo que veio era muito bom e você percebia que o peixe estava bem fresco, mas isso não salva muitas vezes um lugar que tem pouca criatividade. Não sei se a intenção do restaurante é servir algo extremamente tradicional, mas essa tática não funciona, porque os sushis servidos não são nada inovadores, e você consegue encontrar semelhantes em vários outros lugares.

Além disso o valor cobrado pelo rodízio é o padrão, onde muitas vezes a variedade é maior. Talvez os dois destaques do restaurante são o hot holl e o temaki, ambos tem um sabor incrível e o peixe bem fresco. As críticas não são direcionadas para a comida, que é realmente muito boa e sim ao valor e infraestrutura que não correspondem ao que você paga no rodízio.

Pela experiência, você percebe que as coisas não vão terminar bem quando a primeira palavra que a atendente pronuncia funciona pra faltar com respeito ao cliente. Na verdade, e não generalizando, parece que falta um pouco de vontade em servir bem o cliente. Ninguém pede pra ser colocado em um pedestal, mas a gente sempre espera, ao menos, o mínimo de boa vontade dos envolvidos. Em alguns casos isso não aconteceu, o que acabou atrapalhando bastante a experiência.

Outro ponto que acabou atrapalhando a experiência também é o cardápio do rodízio em si. Por R$ 58 a cabeça durante os fins de semana e jantar, a casa oferece 20 fatias de sashimi, sushis, hot roll, temakis e teppans. E independente da comida ser boa, o atendimento ruim, ou qualquer outro fator, quando se tem um cardápio tão limitado por um valor alto como esse, você, como cliente, fica com aquela impressão de que faltou algo mais.

E faltou. Bastante coisa. E nem digo que é camarão, polvo ou algum outro ingrediente mais caro. Coisa básica mesmo. Quando pedimos uma porção de harumakis ao garçom, tivemos que ouvir a resposta de que a casa não trabalhava com o prato. Como assim, cara pálida? Não estamos inventando coisas, buscando ingredientes que sejam de difícil acesso ou coisa do tipo. Estamos falando de um rolinho primavera. Teppan de salmão é outra coisa que não existe por aqui. Os de anchova e frango surgem como única opções.

Mas nem tudo é perdido. O Hot Roll é impressionantemente gostoso. Recheado com bastante pasta de salmão e um pouco de kani, a massa frita é diferente, macia e crocante, e consegue surpreender. A Guioza no vapor também tem certo destaque, mas de resto, nada que outros restaurantes não sirvam. E já que estamos sendo honestos, os poucos sashimis servidos poderiam ser melhores fatiados.

 


Yamamoto – Rua Américo de Campos, 84 – Liberdade; Contato: 3277-1022; Transporte: metrô, ônibus, táxi; Pagamento: débito, crédito, vr; Faixa de preços: $$.
Anúncios

Gostou? Deixa aqui sua opinião!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s