Tori, em Pinheiros

Atualizado em 03/02/2016, novo endereço.

Quando a gente fala em rodízio japonês, logo pensa naquele esquema de sempre: você chega, senta, o garçom anota todo seu pedido, e a comida vai chegando à mesa, como se não houvesse amanhã. Nossa experiência nos restaurantes da comida asiática dizem isso. Basta lembrar do Banri, do Harumi ou do Zeni Sushi. Mas se alguém tentasse fazer algo fora da cuva? Tipo, algo simples, mas que mudasse toda a experiência do seu jantar – ou do almoço, dependendo do caso. Proposital, ou não, é o que faz o Tori, casa instalada na Pedroso que inova ao passar de mesa em mesa com enormes bandeijas cheias de sushis, uramakis, hot rolls e afins. É algo que vai mudar o curso do dólar? Não, mas ainda assim, é uma ideia que vai contra a maré, e que pode trazer algo diferente pra quem gosta de sempre dar uma passadinha e comer o temaki nosso de cada dia. Mas calma, nossas opinões nem começaram ainda, continua lendo e veja por você mesmo.

chapeu-galeria

Uma vez o Rapha falou sobre um japonês que era diferente do comum, mas ficou nisso. Um tempo depois, em uma daquelas noites onde a fome bate e nada está planejado, resolvemos fazer uma visita pro blog. O restaurante fica na Pedroso, em Pinheiros, um ponto com alto fluxo, especialmente no almoço. Por isso, é até comum que de noite as cercanias estejam mais vazias.

Quando chegamos o restaurante estava para abrir, então, claro, o salão estava vazio. Pude notar que, apesar de uma decoração simples, a casa mostra forte traços de um japonês tradicional. Acredito que os donos devam ser de lá, pois os sushimen eram ascendentes, assim como o pessoal do caixa. Como a maioria da casas da comida asiática, existe a opção do rodízio e à la carte, sendo o primeiro pelo valor de R$ 54,90 para o jantar. Como ainda usamos aquele descontinho bacana do Grubster, pagamos ainda menos.

Quando o Rapha falou que era diferente, não foi aquilo que imaginei. A diferença é sutil, mas interessante: não servem aquele barco composto por uma porção de sashimis e sushis, ao invés disso, eles mandam um garçom com várias opções, a maioria bem diferente do padrão, e você escolhe quais e quantos você quer pegar. Achei isso genial, afinal sempre sobra um ou outro sushi que ninguém gosta, tipo aquele de pepino. O resto do rodizio é bem padrão, rolinho primavera e guioza muito bem feitos e gostosos. Entradas e temakis bem variados também é tudo muito bom.

Outra coisa que devo ressaltar são os sashimis, todos bem frescos. O que chama a atenção é o fato deles colocarem mais de uma opção de peixe branco, e todos com um sabor muito bom. Com certeza a parte fria se destaca, e faz com que eu queira voltar, afinal a parte quente de um japonês é onde não se pode errar. Com tudo isso, ainda fomos atendidos super bem, sempre explicado tudo que queríamos e bem pacientes.

Não foi a primeira, nem a segunda vez que visitei o Tori. O restaurante fica bem perto de onde trabalho, por isso vez ou outra escolhia o lugar como ponto pro almoço. Mas ao menos foi a primeira vez que fui durante o jantar. E já achei uma ótima alternativa, pois usamos o Grubster pra fazer a reserva, e você já sabe: desconto na conta. Propagandas gratuitas de aplicativos à parte, o rodízio custa durante o período da noite R$ 54,90, valor que já não é tão alto, e com os 30% off, fica um preço bem justo pelo que é servido. E falando em servir, toda a parte quente é feita no esquema tradicional: você senta, pede tudo que mais te apetece e espera o momento daquele monte de coisa chegar.

Pedimos um combinado tradicional na comida japonesa (com um toque chinês), com os Harumakis, Guiozas, Tempurá e também o Teppanyaki, que rapidamente chegaram à mesa, para nossa alegria. Sobre os rolinhos primavera, algumas inconsistências marcam seu preparo, com a massa folhada quente, mas o recheio – em especial o de legumes – em um ponto pro gelado. Os de queijo, por sua vez, não apresentam o mesmo problema. Possivelmente por se tratar de ingredientes diferentes, com temperaturas diferentes de preparo, e uma padronização em sua fritura, o segundo tipo acabou se saindo melhor.

Se nas entradas quentes tivemos um certo baque, no momento dos peixes a coisa foi diferente. Com a porção de sashimis na mesa, podemos perceber o nível da casa, ao oferecer dois tipos de peixe branco – além do salmão e atum. O comum prego é acompanhado do prego, levemente rosado, e com sabor único. O melhor, sem sombra de dúvida, é o prego, primeiro pela textura, perfeita, seguido pelas impressionantemente simples e saborosas raspas de limão, que transformam o conceito de prazer.

Para continuar falando dos aspectos positivos, a casa, como dissemos na abertura, trabalha com o sistema de mesa a mesa nos sushis, uramakis, niguiris e toda a patota do mar. No geral, todos são gostosos, sem nenhum destaque especial. Salvo, claro, o espetacular Niguiri Selado, que até é possível ver na galeria. Pra quem gosta da carne colocada levemente na chapa, criando uma mistura de quente e gelado, frito e cru, essa é uma pedida acertada, difícil de encontrar algum concorrente.

Também no sistema de bandeja coletiva, os Hot Rolls são oferecidos em três tipos de sabor, sendo dois doces. Honestamente, ainda acho estranho a mistura de sabores doces e salgados no prato em questão, e até experimentei um ou outro. O de Goiaba parece mais uma sobremesa, mas, no geral, não é meu tipo de opção favorito. Outro ponto que deixa a desejar é o Ceviche na entrada, ácido demais, com uma composição que extrapola do uso de azeite e limão. Ao menos, entre secos e molhados, o atendimento é um primor, com o pessoal ágil pra tirar eventuais dúvidas e sugerir os próprios pratos preferidos.


Tori – Avenida Pedroso de Morais, 811 – Pinheiros; Contato: 3624-0898; Transporte: metro, ônibus, táxi; Pagamento: crédito, débito, vr; Faixa de preços: $$.
Anúncios

2 comentários sobre “Tori, em Pinheiros

Gostou? Deixa aqui sua opinião!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s