Ydaygoro, na Vila Madalena

Às vezes seu estomago pede um rodízio japonês, mas seu bolso não acompanha a ideia. Por isso temos algumas cartas na manga, lugares que oferecem um banquete étnico por um valor abaixo de média. E isso tem alguns lados bons, outros nem tanto. Visitamos recentemente o Ydaygoro, restaurante localizado na Vila Madalena, que pode até ser ruim na localização, mas ganha pontos pelo valor cobrado: R$ 34 no almoço. Pra saber agora um pouco mais da comida, continue lendo.

barra-post-galeriafotos

barra-post-ela

Foi meio em cima da hora quando o Rapha falou sobre esse restaurante de nome complicado. Topei no exato segundo, pois eu amo comida japonesa, e acho que nunca vou negar uma visita a um rodízio. Achei o ambiente bem bonitinho, com tatames bem colocados, e não te obrigam a ficar nem de joelho e nem descalço. Ficamos em um desses, ao fundo do salão. Uma pena que ninguém viu a gente. Estava com fome na hora da visita, e custou muito pra que todos os pratos chegassem à mesa.

E vou te falar, não achei tudo isso. Mesmo com o preço do rodízio barato, não achei nada demais a comida do restaurante, e muito pelo contrário, algumas coisas bem ruins. As entradas são super engorduradas, sejam o rolinho primavera – super sem graça, por sinal – ou o Guioza. Além de ser esteticamente feio, o bolinho japonês não era gostoso.

Nem tudo é negativo. Eles têm uma entrada específica, feita com kani, sashimi, shimeji e cream cheese que é bem gostosa. Nunca tinha comido em algum outro restaurante japonês, e mesmo não sendo fã da kani (ou de shimeji) o gosto me agradou.

E quando pensei que as coisas tivessem melhorado, veio o combinado. E que decepção. Vazio, com sushis feios e misturados. No mesmo prato vieram, por exemplo, o desastroso Dyo, no sentido mais literal da palavra, uma vez que ele desmontava ao tocá-lo com o hashi; o Niguiri sem gosto; ou a inclusão de opções doces junto. Tem lugar que serve um ou outro sushi mais adocicado, mas separado. Não dá pra colocar – e não avisar o cliente – tudo no mesmo barco. Imagina comer um uramaki doce com wasabi. Por isso, não gostei, e não recomendo quem procura algo mais tradicional.

barra-post-ele

Já conhecia essa casinha pela proximidade do meu escritório. Algumas poucas vezes almocei lá, e nunca tinha encontrado problema algum. Até o dia que eu levei a Na pro blog. Tudo começou bem, o salão estava vazio, pudemos até escolher a mesa. E acho que não fizemos uma boa escolha. Depois de duas ou três entradas, os atendentes simplesmente esqueceram-se da gente. Pra conseguir fazer um pedido foi uma dificuldade, e uma demora, enorme.

Começamos pelos tradicionais Harumaki de legumes e queijo, além de uma porção de Guioza.  Os rolinhos de queijo eram gostoso, não tenho do que reclamar. Aliás, os de legumes também. Só que o correto seria Harumaki de Repolho, afinal, era o único ingrediente do quitute. O pastelzinho, embora estivesse bem engordurado, tinha um sabor particular muito bom.

Um ponto interessante é a inclusão do Tataki no cardápio do rodízio. São poucos, pra não dizer nenhum, os restaurantes que oferecem essa opção. Tudo bem que não é exatamente um tataki, mas o que vale é a intenção. Uma composição com kani, shimeji, sashimi e cream cheese. Diferente, interessante, e gostoso até. Não sou muito fã do cogumelo asiático, mas ainda assim, o prato é saboroso e dá vontade de comer mais.

Todo o problema, na minha visão, vai pra pouca variedade, e a qualidade do combinado. Foi a primeira vez que realmente passei mal após experimentar certas invencionices da cozinha. Enquanto o sashimi era bem borrachento, no sentido negativo, alguns uramakis e hot rolls simplesmente não ornavam. Em especial um que misturava peixe, cream cheese e canela. Não sei que pensou que seria uma boa ideia, mas não é.

Ainda com todos esses problemas, não diria que é um lugar que você deve evitar. A qualidade dos peixes pode ter sido pura e apenas falta de sorte naquele dia. O atendimento, embora não tão eficaz, não me pareceu o padrão das outras vezes que visitei o local. Recomendo dar uma chance, e ver se dá certo. Pelo valor, mesmo que o jantar seja uma bomba, não vai sair tão pesado o rombo no orçamento.

150205-ydaygoro-servico

Anúncios

Gostou? Deixa aqui sua opinião!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s