The Blue Pub, na Bela Vista

140911-bluepub-02

O fim de semana está batendo na porta e você ainda não sabe aonde vai com a sua companhia? Que tal um pub pra sair da rotina? Se você procura um lugar calmo, pra trocar uma ideia e conquistar o coração da garota, temos a solução. Mas se você procura um lugar mais agitado, pra encontrar aquele menino do trabalho, também temos! Fomos recentemente até o The Blue Pub que une o melhor dos dois mundos e  fica em uma ótima localização, atrás da Paulista, que permite ir de metrô e curtir a noite sem medo do bafômetro.

barra-post-galeriafotos

barra-post-ele

Sabe quando você simplesmente está com vontade de uma cerveja gelada? Esse foi o motivo que nos tirou de casa em um sábado à noite, depois de passar o dia inteiro passeando pela cidade. E terminamos onde? Num pub, é claro! Quisemos dar chance aos outros estabelecimentos, então preferimos não ir ao O’Malley’s – até porque não daria pra fazer uma segunda crítica em tão pouco tempo, rs. Qual foi a escolha? The Blue Pub! Um sobrado enorme duas quadras atrás da Paulista, que eu conheci pela primeira vez quando eles fizeram aquela polêmica cobrança de quem sujasse os banheiros.

São dois ambientes distintos. Enquanto o primeiro tem mais aquela aura calma, pra você sentar, bater um papo com a namorada, com os amigos, pedir uma comida e ver algum jogo nas televisões espalhadas pelas salas, o segundo tem muito mais a cara de balada. Um salão grande, com palco e tudo mais. Particularmente, eu preferi o primeiro, mas como não estávamos apenas como um casal, mas acompanhados de um pessoal, o clima tranquilo e romântico não era a pedida.

Sorte que temos cerveja. E que belas cervejas. Tudo bem que fiquei um pouco triste, pois alguns dos rótulos tinham acabado, mas acabei optando por coisa boa, dentre as que tomei. Comecei com uma campeã, a Fuller’s ESB, que realmente é uma campeã. Ela foi vencedora durante duas oportunidades do World Champion Bitter, e por R$ 20 o pint, por que não? Olha, entendi o motivo dela ter sido considerada como uma das melhores e tudo mais. Com seu tom vermelho escuro, e um pouco amarga, é uma cerveja bem forte, com um gosto particular e que dá pra sentir o malte. E olha que não sou nenhum expert em cerveja. Talvez em beber cerveja…

Como falei, várias cervejas tinham acabado, o que me deixou um pouco frustrado. Acabei continuando minha noite apenas com a boa, velha e segura Heineken, por R$ 12 o copo. E dessa cerveja você deve conhecer, não? Ela é a melhor – na minha humilde opinião – entre as cervejas mundanas, bastante forte e lembrada pelo sabor particular dela. E aqui não é diferente, ainda que em um dos copos o rapaz não soube tirar muito bem o chopp.

Mas nem só de bebida um homem consegue ficar de pé. Acabamos pedindo comida também, e mesmo com outros pratos mais famosos do pub, eu e a Na escolhemos o Fish and Chips. Por né, é um pub inglês. Nada melhor que pedir uma comida genuinamente inglesa. E talvez tenha sido nosso erro (saudades, Ruaa). Mesmo bem temperada e servida, a carne de peixe veio gelada e a batata murcha. Frustrante, de novo, acentuado quando cobram altos R$ 28 por isso. Precisamos roubar comida do Trio Nachos (R$ 26), um combo que acompanhava três tipos de molho: cheddar (sem gosto), salsa (sem pimenta) e sour cream (espetacularmente gostoso).

barra-post-ela

Fim de semana está chegando e pelo jeito o verão vem junto! Tem algo melhor do que uma bela cerveja? Eu acho que não, por isso nós fomos ao The Blue Pub para tomar uma gelada e ouvir boa música. Mas não se engane você, se acha que fomos apenas pra beber!

Chegamos um pouco tarde para um lugar que fecha ‘cedo’, às 3 horas. Era quase meia noite, e a principio estranhei por não estar cheio. Por ser um lugar bem perto da Paulista, é normal que estivesse cheio. Notamos que o subsolo era composto apenas por casais. Mas foi quando descobrimos que reformaram o espaço, e agora tem um salão amplo bem ao estilo balada, pra ouvir banda ao vivo e talvez arrumar uma companhia.

No intervalo da banda sentamos no balcão e pedimos o famoso Fish ans Chips. Eu definitivamente amo os costumes ingleses: pub, cerveja, futebol e fish and chips. Porém, comparado com o O’Malley’s, o prato não chega nem perto, e os atendentes também não ajudam muito.

O prato é grande, dá pra dividir em duas pessoas que comem bem, como eu e o Rapha, mas ele – o prato, não o Rapha – peca no preparo. Não sei exatamente se foi culpa do garçom ter demorado ou da cozinha, porém, o peixe estava gelado e as batatas começavam a fica murchas. A carneé bem temperada e a batata é fresca, mas a apresentação que tivemos dele não foi nada boa.

Junto com isso o nosso amigo pediu uma porção de nachos tradicionais, e resolvi experimentar com aquele molho que parece um vinagrete com pimenta. E olha, estou esperando a pimenta até agora! Até aquelas pimentas vagabundas de bar tem mais gosto. Enfim, pode ter sido um dia ruim para a cozinha e uma decepção para mim.

Tirando que a maioria das opções de cervejas que me interessavam a casa não tinha naquele dia. Eles tinham somente cervejas bem fortes como Guiness, que é um tipo de cerveja que não sou muito fã. O ambiente ainda está em final de reforma e não sei o quanto isso afetou na cozinha e nas bebidas. Ainda assim, eu daria uma segunda e última chance daqui algum tempo.

140911-bluepub-servico

Anúncios

Um comentário sobre “The Blue Pub, na Bela Vista

Gostou? Deixa aqui sua opinião!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s