Coxinhas do Bar Filial, na Vila Madalena

140424-filial-01

bt-rotadacoxinha-02

Demorou um pouco, mas não esquecemos não! Está de volta o especial Rota da Coxinha, pra você que gosta do popular salgado brasileiro, mas não sabe onde encontrar um bom quitute. Pra lembrar como é feita a análise, dividimos em três quesitos a coxinha: tamanho, preço e sabor. Fomos ontem no Filial, bar da tradicional Vila Madalena, e temos um crítica quentinha, saindo do forno. Confira abaixo nossos comentários, e não esqueça de ler sobre os locais já avaliados, a Padaria Brasileira e A Quinta do Marquês.

Ele

Apenas pra efeito de explicação, eu apenas almoçara e tinha como meta jantar algumas coxinhas no Filial. A Na sugeriu o lugar, pra reviver a Rota da Coxinha, e como tínhamos algumas coisas pra fazer na Vila Madá, decidimos dar uma conferida no local que todo mundo ter um dos melhores salgados da cidade. Sem mais delongas, de cara, já posso dizer uma coisa: não vale o esforço. Talvez tenha sido apenas um dia ruim pro pessoal que trabalha lá, mas a experiência não foi boa.

Mas vamos por partes, primeiro analisando o sabor. A coxinha do Filial não é ruim, isso tem que ser dito. Por ser frito na hora, o salgado não fica com aquele aspecto borrachento, tampouco o famoso gosto de comida requentada. É bem quentinha, feita na hora. E o recheio bem servido. Um creme que mistura o frango e o catupiry preenche o quitute, que não falha na primeira mordida. Só é uma pena que não exista uma versão sem catupiry. Não é o meu caso, mas muita gente não é fã do queijo (mentira, só sua namorada não curte) .

Não vejo o Filial como um lugar ruim. Já tive a chance de visitar o bar em outras oportunidades e, no geral, a comida é bem gostosa, e o chopp bem cremoso. Só que não estamos falando disso hoje. Então foquemos na segunda nota, tamanho. Um meio termo entre a coxinha de festa e a tradicional coxinha de boteco, precisaria de umas quatro pra matar minha fome. Poderia ser um pouco maior, sem dúvida, mas já fui a outros lugares que tinham a cara de pau de me servir menores ainda com um preço abusivo. E vale ressaltar o formato diferente da coxinha por aqui. Não saberia descrever com tamanha perfeição, mas esqueça o estilo-gota-da-coxinha-da-quebrada. Aqui ela parece um… travesseiro? Um console de carro? Não sei, pode parecer mil coisas, menos uma coxinha.

Todavia, não é o formato que vai te afastar de lá. Infelizmente, não posso dizer o mesmo do preço. O valor unitário da coxinha no Filial é de R$ 6,90. Se é barato ou caro, vou deixar o seu coração dizer. Só que, pessoalmente, não me sinto confortável em pagar esse preço por uma experiência que não foi satisfatória. Talvez se o cenário fosse outro, ou a coxinha, não teria problema em arcar com esse custo. Mas o conjunto da obra não foi legal. Demoraram bastante pra trazer o nosso pedido. Em uma noite de quarta-feira, quando o salão está quase vazio, salvo por três mesas que ocupam o bar, não é normal aguardar 25 minutos pra fritar meia dúzia de coxinhas. E pra não dizer que é perseguição, nem vou comentar sobre o aspecto delas quando chegaram, completamente banhadas no óleo. Se bem que… já comentei, não?

Ela

Bom, eu pra variar , estava com muita fome. E como o Rapha falou resolvemos incluir mais uma crítica na Rota da Coxinha. Eu nunca tinha ido ao Filial, mas sempre falaram muito bem sobre o bar, então, por que não experimentar? O bar estava vazio, tinha certa de 4 ou 5 mesas apenas, o que me assustou um pouco, pois era quarta, e normalmente quarta já temos happy hour acontecendo por ai.

Mas isso não me incomodou a princípio. Depois que as coxinhas demoraram mais de 20 minutos para chegar eu fiquei incomodada sim, por que, imagina quando está cheio?

Enfim, vamos falar da coxinha. Achei a massa incrivelmente saborosa e super leve, e o recheio completava de maneira perfeita. Uma pena que ela é tão oleosa que por mais que você use guardanapo, você suja a mão.  O seja, sabor é muito bom mas também  é muito oleosa.

Quando ao tamanho, acho que é o tamanho padrão. Como o Rapha comentou, tem muito lugar por ai que cobra uma fortuna numa mini coxinha requentada e dura… Acredito que o preço é um pouco caro, mas levando em conta que você está em um bar na Vila Madalena, o preço não fica abusivo.

A visita vale por ser um bar especifico e não exatamente pela coxinha, se você procura um lugar para comer coxinha não é a melhor opção.

Anúncios

Gostou? Deixa aqui sua opinião!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s