Faire La Bombe, em Pinheiros

140417-labombe-01

Ali na rua Pinheiros, bem perto do cruzamento com a Rebouças, se esconde uma pequena loja especializada em bombas. Aquelas que você está acostumado a comer de chocolate, só que de vários outros sabores! Desde as mais tradicionais até umas mais peculiares, como jabuticaba ou frutas vermelhas. Nós fomos conferir semana passada essas sobremesas, e você pode ver se vale a pena a seguir.

Ela

Resolvemos tirar o dia para visitar alguns lugares para o blog, então depois de um super agradável almoço de sábado fomos no Faire La Bombe porque o Rapha descobriu depois de ter passar na porta por acaso.

Quando cheguei lá achei o local super aconchegante, e apesar de nunca ter ido para Paris, ele te passa a impressão de estar lá. Com alguns bancos na porta e mesinha na calçada. Quando entramos eu me encantei pelo local, é muito bonito e simpático.

Porém, o atendimento do restaurante não foi muito satisfatório, as atendentes estavam naquele animo de quero ir embora logo, e nem sequer explicavam o que tinham na casa. O preço também não é muito atraente pois a bomba é pequena e custa R$ 6.

Eu optei pela tradicional Bomba de Chocolate, que era gostosa, mas não valia o preço. Experimentei também a de Avelã que o Rapha pegou, porém, essa não me agradou, pois esperava que fosse um creme de avelã com chocolate. No final, minha experiência não foi das melhores, mas vale a pena tirar uma tarde pra tomar um chá e comer uma bomba junto com o seu namorado, isso se você for fã do doce.

Ele

Conheci esse doce quando era pequeno, por causa da minha mãe. Ela sempre amou bomba de chocolate, do tipo que saia de casa especialmente pra ir atrás de uma. Eu também sempre gostei, mas nunca no nível dela. E não tive como não pensar nela na hora que encontrei esse lugar. Estava indo para o médico quando me deparei com a Faire La Bombe, mas na oportunidade não pude entrar.

Voltei alguns dias depois com a Na, após um belo almoço de sábado. De cara, adorei o ambiente confortável e que lembra muito as patisseries de Paris. E até pelo atendimento. Tirando uma das meninas que serviam os clientes, todas as outras estavam com o rosto fechado, com cara de quem aguardavam a hora de ir pra casa.

Mas vamos falar do lugar, e não ficar reclamando do atendimento. O cardápio de bombas é dividido em dois tamanhos: pequeno e grande. Enquanto as menores custam R$ 6 por unidade, as maiores tem o valor de R$ 8,50. Uma pena que só descobri isso depois de comer, e porque perguntei. Mais uma vez, as atendentes poderiam instruir melhor os clientes, especialmente os de primeira viagem.

Como quis ter um cenário maior das bombas, escolhi três sabores pra ver qual era a do lugar. Primeiro fui na mais extravagante, a Bomba de Frutas Vermelhas. Coberta com um creme branco, o doce é recheado com uma pasta meio roxa, que não lembra muito frutas vermelhas. Um pouco de longe, talvez. Honestamente, não senti gosto de framboesa, amora, morango, cereja ou qualquer outra fruta de cor vermelha. Mas não estava ruim, apenas não condizia com o nome.

Depois fui na mais chique, pelo menos estéticamente. A Bomba de Maracujá é envolta por uma cobertura dourada brilhante, que parece ouro! E mais, suja sua boca na hora que você morde, verdade. O sabor estava bem ameno, não muito azedo, como um tradicional maracujá é, mas também não muito doce. Apenas gostosa. E pra fechar procurei algo mais comum, nada muito fora da curva. Escolhi a Bomba de Avelã, que se mostrou a mais gostosa. Não é chocolate com avelã, apenas um creme de avelã, bem saboroso. Essa eu recomendo bastante, ainda que os preços sejam um pouco salgado.

Anúncios

Um comentário sobre “Faire La Bombe, em Pinheiros

Gostou? Deixa aqui sua opinião!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s